Durante a conferência de imprensa de Crimes of the Future no Festival de Cannes, Kristen Stewart revelou que ela e os outros atores do filme não faziam ideia do que o longa se tratava. Leia:

Até mesmo Kristen Stewart foi mantida no escuro durante a produção sobre o enredo enlouquecedor de Crimes of the Future.

O mais recente drama body horror distópico de David Cronenberg foca em dois cirurgiões artistas performáticos, interpretados por Viggo Mortensen e Léa Seydoux, que exibem publicamente a metamorfose dos órgãos humanos em instalações avant-garde. Stewart interpreta uma investigadora do Registro Nacional de Órgãos que fica fascinada pela performance deles e acredita que a inovação artística levará à próxima fase da evolução humana.

“Disse ao Cronenberg que não fazia ideia do que esse filme se tratava, mas que estava curiosa e que talvez pudéssemos descobrir”, disse Stewart durante a conferência de imprensa no Festival de Cannes sobre aceitar o papel.

A atriz indicada ao Oscar continuou: “Nós, atores, passávamos todos os dias depois de trabalho nos perguntando que porra estávamos fazendo. Mas assisti ao filme ontem à noite e ficou claro para mim. Ficou tão exposto. Realmente parece que você está modificando órgãos quando está fazendo algo, e se não for dessa forma, não vale a pena.”

Como Cronenberg esperava, a estreia do filme foi recebida com pessoas saindo no meio da sessão, bem como aplausos de pé por sete minutos.

“Todos amam falar sobre como os filmes dele são difíceis de assistir e é divertido falar sobre as pessoas saindo de uma exibição em Cannes”, disse Stewart. “Mas cada hematoma exposto e estranho em seus filmes me deixa de boca aberta. Você fica atraído. E nunca me deixa com repulsa. A forma como me sinto é completamente por desejo visceral e é a única razão pela qual estamos vivos. Somos sacos de prazer.”

Fonte | Tradução: Equipe Kristen Stewart Brasil